Como remodelar a sua empresa com a Matriz FOFA

No dia 25 de janeiro dei o meu primeiro treinamento externo (até então só tinha dado para a equipe do trabalho), sobre a ferramenta de gestão, FOFA. Contei nesse post (**linkar o post de dicas de como montar um treinamento**) como que a experiência e hoje trago, em forma de texto, o conteúdo que apresentei e como que você pode aplicar na sua empresa.



Estamos vivendo um momento onde a palavra "crise" se faz presente em mais da metade das frases que falamos, escrevemos ou lemos. Para as empresas, o momento é de preocupação e muitas empreendedoras ainda estão assimilando o que está acontecendo e tentando entender quais vão ser os impactos que a quarentena, devido ao coronavírus, vão causar em seus negócios.

Pedir para que você tenha calma é quase uma afronta, frente ao cenário que estamos, mas eu sei, e você também sabe, que precisamos respirar fundo, se abster um pouco das notícias negativas e pensar "como que o meu negócio pode crescer, durante essa crise?".

"O que consigo adaptar na minha empresa, para que a baixa de faturamento não seja (tão) grande?"; "O que essa situação está me ensinando?" e "O que eu posso rever no meu negócio?", são algumas das perguntas que você, empreendedora, deve se fazer durante essa quarentena.

Uma das formas de fazer essa avaliação do negócio, é utilizando a Matriz FOFA (ou Swot) que serve para levantar quais são as Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças, da sua empresa.

PRA QUE SERVE E QUANDO USAR 


A Matriz FOFA deve ser usada de tempos em tempos, como forma de analisar e montar um planejamento estratégico da empresa, independente se ela está indo bem ou indo mal.  O objetivo dela é:


  • Fazer com que você tenha uma visão interna e externa do negócios;
  • Definir prioridades de atuação e de decisões a serem tomadas;
  • Levantar quais são os pontos positivos, os negativos e os de crescimento;
  • Definir ações para resolver ou minimizar os riscos e problemas levantados


COMO FAZ E COMO USAR NO ATUAL MOMENTO

Fazer uma Matriz FOFA não é um bicho de sete cabeças, mas requer atenção, um momento só para realiza-la, foco e, se você tiver equipe, convide eles para participar da construção dela, porque a visão de cada um irá contribuir para o enriquecimento da Matriz.

Você vai precisar dos seguintes itens: fichas de papel A4 (dobra a folha no meio e recorta ela), fita pra colar a ficha na parede e pincel para flipchart. Esse material é uma forma de você e a sua equipe visualizarem como um todo a Matriz. A FOFA é realizada a partir de quatro quadrantes e em cada um será colocado os pontos positivos e negativos.




As forças e oportunidades são os pontos negativos da sua empresa e você vai levantar nesses dois quadrantes: quais são os melhores produtos/serviços; o que te diferencia dos seus concorrentes; o que te torna referência; entre outros. Já as ameças e fraquezas são todos os pontos que precisam ser melhorados, o que deixa o seu negócio fraco e o que pode atingir ele negativamente (tributos, catástrofes, processos).

O que vai determinar se a sua Matriz Fofa está bem criada, são as perguntas que você irá fazer em cada quadrante e a honestidade da resposta de cada uma delas. Porque não adianta colocar um item como positivo, sendo que na verdade ele é negativo e precisa ser trabalhado para virar uma força.

Para o pessoal que participou do treinamento no escritório da Fiama, enviei pra eles o material utilizado e com perguntas para ajudar na construção da Matriz. E também estou disponibilizando ele para os leitores do blog.


Sei que nesse momento as ideias demoram um pouco para surgir e rolando o feed do instagram, peguei algumas sugestões de ações que podem ser realizadas, como forma de adaptação e de um novo serviço,


Legendas retiradas do instagram. Ocultei o nome das pessoas para preservá-las

Legendas retiradas do instagram. Ocultei o nome das pessoas para preservá-las

Como disse no início do post, não estávamos preparados para essa quarentena, mas pode ter certeza que ela vai passar, o seu negócio vai sobreviver e você sai dela mais forte e com muitos aprendizados. Por isso, foque em remodelar a sua empresa, avaliar os processos e como que você pode se manter presente na vida do cliente e público alvo.

Cursos online gratuitos para fazer durante a quarentena

Eu sei, a situação que estamos passando é inesperada, pegou todo mundo de surpresa, a cada dia ficamos na torcida por uma notícia otimista e pedindo a Deus para que os nossos familiares (princialmente os que estão distantes) não sejam contaminados com a vírus da Covid-19.

Também sei que o momento pede calma, mesmos sabendo que em às vezes é difícil. As preocupações começaram a rondar a cabeça, é uma nova rotina imposta a ser seguida, é aquele ponto de interrogação do que irá acontecer, mas - e sempre terá um "mas" no meio do caos -, estamos vendo muita colaboração com os idosos, com o comércio local, empreendedores autônomos e demais pessoas que estão de quarentena.

Um movimento muito bacana que está acontecendo, são empresas liberando acesso gratuito em alguns sites, cursos, revistas e, até, canais de tv. É tanta opção que fica até difícil escolher qual aproveitar. E pensando em um forma de ajudar, você, que quer aproveitar esse momento para se aperfeiçoar ou fazer um curso de um tema específico, reuni abaixo todos os cursos gratuitos que estão oferecendo.

Por isso, se ajeite na cadeira, pega papel e caneta e bora aproveitar essas oportunidades.



PARA APRENDER


RH Talks - de 23 a 27 de março, uma semana de conteúdo online e gratuito sobre o setor de RH e gestão de talentos. Alguns dos conteúdos que vão ser abordados são: Os desafios do mercado digital para o setor de RH; Felicidade no trabalho; e Habilidades fundamentais e plano de carreira.  A inscrição pode ser feita, clicando aqui.

Curso Cei - Liberaram 16 aulas gratuitas com foco em direito. Algumas das aulas são: Princípios do Direito Ambiental; Concepções de justiça; Teoria Geral do Direito do Consumidor; e Introdução aos direitos sociais. Para assistir as aulas, clique aqui.

Intensivão de Estudos, oferecido pela Samara Araujo (@samara.araujo) - A Sarama é estrategista de marketing digital e durante a quarentena vai liberar 1 aula por semana. Alguns dos assuntos são: Começando meu negócio do 0; Persona; Produção de conteúdo; e O segredo de vender e faturar mais. Para se inscrever é só clicar aqui.

Universidade de Harvad - Liberaram mais de 100 cursos online gratuitos, em 14 áreas. Algumas delas são: Negócio e Gestão; Ciência de Dados; Desenvolvimento Educacional e Organizacional. As inscrições podem ser feitas aqui.

Fundação Getúlio Vargas (FGV) - Liberou 55 cursos online nas áreas de marketing, gestão, TI e economia. O site Focus listou todos os cursos com o link direto para cada um deles. Pra conferir é só clicar aqui.

Udemy - A plataforma liberou diversos cursos gratuitos pra você fazer durante esse período de quarentena. Tem para todos os níveis e todos os assunto. Para ver a lista é só clicar aqui.

Coursera - A Universidade de São Paulo (USP) liberou, através da plataforma Coursera, 17 cursos online. No site, basta pesquisar por Universidade de São Paulo.

LinkedIn - Disponibilizou um conteúdo para ajudar quem está trabalhando de forma remota, com foco em colaboração, foco e produtividade. Para assistir o material é só clicar aqui.

IFRS (Instituto Federal do Rio Grande do Sul) - Liberou o acesso a diversos cursos nas áreas de ambiente e saúde; ciências exatas; ciências humanas; educação; gestão e negócios; idiomas; informática; preparatório para as provas de ingresso no IFRS; produção alimentícia; recursos naturais e turismo e hospitalidade. Pra conferir, basta clicar aqui.

Redes Digitais - 12 palestras gratuitas que aconteceram no evento RD Summit. Pra quem estuda sobre marketing, tem que ver elas. Pra assistir, é só clicar aqui.

O Jogo do Instagram - As irmãs Alcântaras vão realizar entre os dias 30/03 a 05/04 um workshop On-line com foco no instagram. Serão aulas gamificadas com estratégias e aprendizado criativo. Se inscreva já, clicando aqui.

Mentoria Financeira de Graça - A Mai Xavier, da Rica Simplicidade, irá realizar entre os dias 23 e 27 de março mentorias online gratuitas sobre finanças. Elas vão ser transmitidas pelo Instagram e Youtube, e através desse último vão ficar salvas por tempo indeterminado. As mentorias acontecem às 09:00.

Rock Content - A Rock University disponibiliza alguns cursos gratuitos com foco em marketing digital. Alguns dos disponíveis são: Produção de conteúdo para a web; Inbount Marketing e Revisão de Conteúdo para a web. Para acessar, é só clicar aqui.

PARA LER

Amazon - Se você estava com desculpa de que "não tenho dinheiro pra comprar livro", para justificar a sua falta de leitura, os seus problemas acabaram. A Amazon disponibilizou alguns livros de graça para baixar, a partir do aplicativo do Kindle (da pra baixar no celular ou tablet). Clique aqui e confira quais são os títulos disponíveis.

Forbes - Para quem gosta de revista, a Forbes disponibilizou as últimas edições para baixar e ler de graça em seu aplicativo. Eu já baixei, o aplicativo não ocupa tanto espaço e já estou lendo as revistas, que por sinal trás matérias ótimas.

PARA OS PRESTADORES DE SERVIÇO E NEGÓCIOS LOCAIS


Cartões presentes para os pequenos negócios - O Push (@push) e o Steal at The Look (@stealthelook) se uniram ao Todo Cartões (@todocartoes) para ajudar e apoiar prestadores de serviço e negócios locais. Eles estão disponibilizando uma versão gratuita da ferramenta da startup de cartões presente para gerar vendas antecipadas. Para participar, basta fazer o cadastro nesse link.

Plataforma gratuita para divulgar os produtos e serviços - O Sebrae, uma das referências no quesito capacitação e ajuda do empresários, está disponibilizando a plataforma Mercado Azul para que as empresas possam divulgar seus produtos e serviços, de forma gratuita. A plataforma funciona como uma vitrine digital ajudando a dar visibilidade e aumentando a presença online dessas empresas. Para cadastrar os seus produtos ou serviços, clique aqui.

Ah, e enquanto essa quarentena continuar, vou atualizando o post. Por isso, compartilha ele, envia para uma amiga e aproveita todo esse conteúdo gratuito que estão oferecendo. Bons estudos!

beijos, beijos

5 sites para ganhar cashback

No dia 15 de março é comemorado o Dia do Consumidor e ele foi criado para proteger os direitos do consumidor, sejam eles quais forem entre empresas grandes ou lojas do comércio. Tanto que hoje em dia é obrigatório todos os estabelecimentos terem à vista (ou deixar disponível) o código do consumidor.

Essa é uma data que o comércio aproveita para alavancar as suas vendas e em qualquer tipo de promoção, é importante que as pessoas avaliem se, realmente, determinado produto está em promoção e se você precisa (mesmo) daquela compra.

Se durante essa análise você viu que a promoção está valendo a pena e que precisa daquele item, fica nesse post porque vou te mostrar como que é possível gastar e ganhar dinheiro, ao mesmo tempo.



Cuidar da vida financeira e mantê-la saudável, não significa que você terá que deixar de comprar ou de consumir. Claro que, dependendo de como você está financeiramente (muitas dívidas, por exemplo), será preciso abrir mão (naquele momento) de algumas coisas ou mudar alguns hábitos.

Quando você começa a estudar sobre finanças e a melhorar o seu relacionamento com o dinheiro, aprende a como gastar com consciência e planejar os gastos do mês.

Durante o meu processo, além de ter aprendido tudo isso, também descobri que é possível ganhar dinheiro com o que eu compro na internet, com o famoso cashback.




Cashback é um programa de reembolso das compras que você realiza pela internet. O retorno desse dinheiro é a partir de uma porcentagem definida pela loja e que cada site tem o valor mínimo para saque.

Sites que oferecem cashback

Mélliuz

O Mélliuz reúne diversas lojas e além de devolver parte do valor gasto, também oferece cupons de desconto. A partir de R$20 você já pode sacar para a conta corrente (fiz o meu primeiro saque em fevereiro). Ah, e se cadastrando nesse link, você já ganha R$5. 

Beblue

Diferente do Mélliuz, onde as compras são realizadas online, no Beblue você ganha cashback nos estabelecimentos físicos e o dinheiro que volta, pode ser usado para pagar as compras nos estabelecimentos parceiros. 

Mooba

Reúne empresas que tem boa reputação no site do Reclame Aqui (a Mooba é uma startuo deles). São, aproximadamente, 300 lojas virtuais e o valor mínimo de resgate é R$30 e vai direto para a conta bancária. 

Ganhe de volta

O site Ganhe de Volta é brasileiro e reúne mais de 500 lojas virtuais, entre nacionais e estrangeiras. O regaste é a partir de R$20 ou US$5 (dólares), e pode ser sacado tanto para a conta bancária quanto para a conta do Paypal. Ah, e para quem tem um blog ou site é possível ser afiliado deles. 

In Mais

No In Mais você ganha cashback a partir de compras nos sites parceiros, transferindo pontos do cartão de crédito, comprando nos estabelecimentos físicos credenciados ou indicando para um amigo. A diferença do In Mais para os outros é que primeiro você acumula pontos e os pontos são trocados por dinheiro. 

Viu como é possível gastar e ganhar dinheiro ao mesmo tempo? Dos sites que oferecem cashback o único que utilizo (no momento) é o Mélliuz (recomendo), mas já me cadastrando em alguns para testar, porque eu sou "a" pessoa que adora comprar e ganhar benefícios. 

E você, já conhecia ou utiliza algum desses sites de cashback? 

beijos, beijos